Partners Comunicação Pro Business

relações públicas ou assessoria de imprensa? Como escolher a abordagem comunicacional

Relações públicas x assessoria de imprensa: de qual você precisa?

Você já parou para pensar o quão presente e importante é a comunicação no cotidiano corporativo? Do estabelecimento de uma mensagem a ser repassada para o público externo até o gerenciamento de uma crise interna, é fundamental ter uma comunicação clara, concisa e de qualidade.

Nem toda empresa conta com um departamento exclusivo para isso, o que reforça a importância da contratação de uma agência de relações públicas e uma assessoria de imprensa.

Apesar de gerar confusão em certos momentos, as duas têm propósitos bem distintos. Neste artigo, você conhecerá mais sobre o trabalho desenvolvido em cada caso e também entenderá um pouco mais sobre a importância de contar com um serviço de comunicação integrada. Boa leitura!

O que é uma agência de relações públicas?

De acordo com a PRSA (Public Relations Society of America), as relações públicas são definidas como uma estratégia de comunicação que constrói uma relação de benefícios mútuos entre instituições e os seus públicos.

A ideia é que as empresas consigam transmitir a sua mensagem de maneira efetiva, gerando uma percepção positiva de sua marca, serviços e, por vezes, de seus funcionários. Com isso, os públicos passam a ter uma visão mais ampla sobre a organização e conseguem cobrá-la pelo serviço oferecido ou mesmo o posicionamento diante de determinado assunto.

Logo, uma agência de RP (como também é conhecida) é responsável por definir estratégias e executar projetos comunicacionais com o objetivo de transmitir não só valores, mas também metas e ações de uma empresa. Para isso, ela tem como foco dois públicos: o externo e o interno.

E a assessoria de imprensa?

A assessoria de imprensa também tem um papel crucial para as empresas. Ela é responsável por criar um elo entre a empresa que a contrata e os veículos de comunicação. Vale lembrar que não só empresas, mas também instituições públicas e até mesmo pessoas físicas podem contar com esse serviço.

O objetivo da assessoria é trabalhar para conquistar uma visibilidade positiva e confiável junto da sociedade para o seu assessorado. Ou seja, ela ajuda no fortalecimento da imagem no mercado.

Portanto, entre as funções do assessor estão o estudo sobre o histórico do cliente, suas fraquezas e fortalezas, além das características determinantes de seus concorrentes. A partir dessas informações, o assessor verifica o que tem potencial noticioso e pode gerar interesse da mídia.

Qual tipo de serviço escolher?

O mercado oferece tanto agências especializadas em relações públicas quanto em assessoria. A diferenciação entre elas serve para atender às diferentes propostas do mercado, como você verá a seguir!

Elaborar o plano de comunicação

Uma das responsabilidades da agência de relações públicas é elaborar o plano de comunicação da empresa que a contrata — ou seja, cabe a ela delinear as ações que farão parte da comunicação tanto interna quanto externa.

O trabalho exige não apenas dedicação, mas também dinamismo, senso crítico apurado e bastante jogo de cintura, visto que tanto as questões internas quanto externas precisam estar alinhadas aos valores e objetivos da empresa. Em suma, o RP será responsável por alinhar todo o setor de comunicação da empresa.

Retrabalhar a imagem da marca

Já a assessoria de imprensa é a encarregada por retrabalhar a imagem da marca. Por exemplo, uma empresa que passa por uma crise de imagem precisa da assessoria para poder restabelecer a credibilidade e visibilidade do negócio.

Além de cuidar da imagem institucional, cabe ao assessor estar em contato com os formadores de opinião, que podem ajudá-lo a melhorar a aceitação de um novo posicionamento no mercado.

Fazer a gestão de crises

O relações públicas tem um papel crucial na gestão de crises. A agência que presta esse serviço precisa realizar um estudo profundo sobre a empresa, a fim de prever possíveis problemas que podem surgir pelo caminho.

Caso algo aconteça, ela estará pronta para agir e comunicar com eficiência e qualidade com o público interno e externo. Uma crise mal gerida pode significar o fim de uma empresa ou mesmo de uma carreira.

Portanto, a presença do RP se faz essencial. Ele dará todo o suporte para a criação de um relacionamento transparente, seguro e ético com a mídia, ajudando a atenuar os riscos à imagem de uma marca.

Gerar mídia espontânea

A mídia espontânea é quando um veículo de comunicação mostra a sua marca ou empresa por meio de uma reportagem ou entrevista sem que você pague por isso. Geralmente, isso acontece quando há alguma novidade ou a empresa conta com profissionais que são referências em suas áreas no mercado e podem dar a sua contribuição para alguma matéria.

A assessoria de imprensa, então, fica responsável por essa parte, já que entre as suas atividades está o ato de redigir press realeses, que são comunicados à imprensa com informações acerca de alguma atividade da empresa ou marca pessoal.

Por que é importante a integração entre a agência de relações públicas e a assessoria de imprensa?

O mercado moderno é pautado por questões complexas, que exigem estratégias cada vez mais pautadas em um diálogo eficaz com os públicos internos e externos. Quando uma crise de imagem é deflagrada, por exemplo, os diferentes setores de comunicação da empresa precisam estar cientes do que fazer.

Além disso, eles devem se comunicar de maneira padronizada com a imprensa, fornecendo comunicados aos veículos, visto que a população geralmente clama por isso. Portanto, é crucial que tanto a agência responsável pelo RP quanto a assessoria estejam alinhadas, sendo a melhor alternativa a contratação de uma empresa que integre os serviços.

Ambos os serviços oriundos de um único parceiro ajudam a tornar a estratégia de construção e proteção de uma marca mais efetiva. Além disso, os profissionais do prestador de serviços são treinados para lidar com os múltiplos canais e têm competências de comunicação mais avançadas, essenciais no mundo moderno.

Sendo assim, uma organização ou marca pessoal que almeja um posicionamento forte da sua imagem e quer comunicá-lo com efetividade, garantindo um reconhecimento maior, precisa de um serviço integrado. Uma agência de relações públicas e assessoria de imprensa integradas contribui para a otimização dos resultados, garantindo uma visão holística sobre a organização.

E então, viu que a sua marca precisa de uma agência que ofereça ambos os serviços? Entre em contato conosco e conheça as nossas soluções!